Jardim Botânico do Rio de Janeiro

Jardim botanico do Rio de Janeiro

O Jardim Botânico do Rio de Janeiro, foi fundado em 13 de junho de 1808. Ele surgiu de uma decisão do então príncipe regente português D. João de instalar no local uma fábrica de pólvora e um jardim para aclimatação de espécies vegetais originárias de outras partes do mundo.

Hoje o Instituto de Pesquisas Jardim Botânico do Rio de Janeiro – nome que recebeu em 1995, é um órgão federal vinculado ao Ministério do Meio Ambiente e constitui-se como um dos mais importantes centros de pesquisa mundiais, nas áreas de botânica e conservação da biodiversidade.

Conta com uma área de 137 hectares, sendo 55 aberto a visitação, tanto ao ar livre como em estufas.

Logo na entrada temos a visão da alameda das “Palmeiras Imperiais”. São árvores imponentes e imensas com mais de 200 anos.

O Chafariz das Musas, fabricado na Inglaterra é ponto central no encontro das aléias, constitui-se numa das mais belas atrações do jardim é constituído por duas bacias. Na maior delas, quatro figuras representam a música, a poesia, a ciência e a arte. Deste ponto dá para ver o Cristo Redentor, no alto do Morro do Corcovado.

Jardim botanico do Rio de Janeiro.

Jardim botanico do Rio de Janeiro

Lago Frei Leandro

Jardim botanico do Rio de Janeiro

Vitória-régia

Jardim botanico do Rio de Janeiro

Cactos – Parte do Jardim sensorial

Jardim botanico do Rio de Janeiro.

Jardim botanico do Rio de Janeiro

O Orquidário esta ao final da Aléia Alberto Löefgren

Jardim botanico do Rio de Janeiro

Fonte Wallace – Água potável em vários pontos do parque.

Jardim botanico do Rio de Janeiro.

Jardim botanico do Rio de Janeiro

La Danse – Alice Pittaluga

Jardim botanico do Rio de Janeiro.

..