Como adubar Suas Plantas

Como Adubar Suas Plantas

.

Adubação é a reposição dos nutrientes retirados do solo pelas plantas para o crescimento, floração, frutificação e a multiplicação.

.

Como Adubar Suas Plantas

.

Adubos Orgânicos – São aqueles provenientes de matéria de origem animal ou vegetal, tem uma composição química mais equilibrada, e incorporam ao solo doses mínimas de macro e micronutrientes. Melhoram a textura do solo, tendem a aumentar a flora bacteriana e a microfauna que dão vida a terra e são absorvidos lentamente pelas plantas.

.

Como Adubar Suas Plantas 1a

.

Adubos Inorgânicos – São obtidos a partir da extração mineral ou do refino do petróleo. Por colocarem a disposição da planta os elementos químicos praticamente em condições de serem absorvidos, produzem efeito mais rápido.

.

Como Adubar Suas Plantas.

Algumas Dicas

.

♦  Como a concentração do adubo inorgânico é mais alta, em doses excessivas podem interferir no metabolismo vegetal, prejudicando o desenvolvimento e até queimando, quimicamente a planta. Procure respeitar as informações e indicações contidas nas embalagens.

  O adubo granulado precisa sempre ser incorporado ao solo. Ele não deve ficar exposto, nem próximo das raízes e do caule da planta, pois o contato pode causar danos.

  As adubações são feitas antes do período de florescimento e após a colheita ou poda, para compensar as perdas de nutrientes e preferêncialmente, nos períodos chuvosos.

  Durante o outono e inverno as plantas entram numa fase de dormência, caracterizada pela redução de sua atividade vegetativa. A fertilização durante este período deve ser diminuída ou evitada.

  Os adubos minerais não substituem as adubações orgânicas. Os adubos orgânicos dão vida ao solo, aumentando a quantidade de microorganismos, que auxiliam na alimentação das plantas.

  Deve-se intercalar adubações orgânicas e inorgânicas durante o ano.

  • Adubo orgânico nos meses secos.
  • Adubo inorgânicos nos meses chuvosos.

♦  Para saber a quantidade de adubo orgânico a ser utilizada, oriente-se pela tabela, considerando que um balde plástico, destes que se tem em casa, costuma ter capacidade para 20 litros.

.

Como Adubar Suas Plantas

.

Como adubar

como-adubar-suas-plantas

Árvores

.

É recomendado adubar árvores a cada seis meses.

Adubação orgânica – O adubo orgânico é aplicado sob a copa, incorporando-o de leve ao solo, com as seguintes medidas:

  • Árvores de grande porte – Usar 20 litros esterco de boi ou composto orgânico.
  • Árvores de médio porte – Usar 15 litros esterco de boi ou composto orgânico.
  • Árvores de pequeno porte – Usar 10 litros esterco de boi ou composto orgânico.
  • Árvores floríferas – usar a mesma quantidade anterior e acrescentar 100 gramas de farinha de osso por m².

.

Adubação inorgânica – Por ser adubo químico granulado, o ideal e misturar o NPK a partes iguais de esterco de boi ou composto orgânico e areia, fazer de 6-10 buracos em volta da planta com 5-10cm de profundidade, preencher com com a mistura até a boca e cobrir com terra. Regar generosamente a seguir.

  • Árvores – Usar 100 gramas de NPK 10-10-10 por m².
  • Árvores floríferas – Usar 100 gramas NPK 4-14-8 por m² ou aproximado, não encontrando usar NPK 10-10-10 mais 100 gramas de farinha de osso por m².

.

como-adubar-suas-plantas

.

Para calcular a área aproximada em metros quadrados coberta pela copa de uma árvore ou arbusto, meça a distância entre o tronco da planta e o perímetro da copa. Depois, multiplique o número encontrado por ele mesmo e o resultado por 3.

.


como-adubar-suas-plantas

Arbustos

.

Adubar arbustos de 2-3 vezes ao ano.

Adubação orgânica – O adubo orgânico e aplicado sob a copa, incorporando de leve ao solo, com as seguintes medidas:

  • Arbustos de folhagem – Usar 10 litros de esterco de boi bem curtido ou composto orgânico.
  • Arbusto florífero – Usar 10 litros de esterco de boi bem curtido ou composto e acrescentar 100 gramas de farinha de osso.

.

Adubação inorgânica – Por ser adubo químico granulado, o ideal e misturar o NPK a partes iguais de esterco de boi ou composto orgânico e areia, fazer de 6-10 buracos em volta da planta com 5-10cm de profundidade, preencher com com a mistura até a boca e cobrir com terra. Regar generosamente a seguir.

  • Arbustos de folhagem – Usar 100 gramas de NPK 10-10-10 por m².
  • Árbustos floríferos – Usar 100 gramas NPK 6-12-6 por m² ou aproximado. Não encontrando usar NPK 10-10-10 mais 100 gramas de farinha de osso por m².

.


como-adubar-suas-plantas

Vasos

.

Deve-se adubar vasos quase todos os meses, menos no inverno. Intercalando adubação orgânica (quando possível) e inorgânica.

Adubação orgânica – Incorpore 3 vezes ao ano fertilizantes orgânicos ao solo, aproveitando para afofar a terra dos vasos. Para plantas onde as folhas predominam, usar esterco de gado, húmus de minhoca, composto orgânico entre outros. Seguir orientação do fabricante, pois os vasos variam de tamanho.

  • Para plantas floríferas – Usar o mesmo adubo anterior + farinha de osso. Regar generosamente a seguir.

.

Adubação inorgânica – Os adubos inorgânicos, podem ser em pó, granulados ou liquidos.

Para adubos em pó e granulado, faça pequenos furos no substrato com um lápis, quase na borda do vaso, coloque o adubo e cubra.

Para adubo líquido, dissolver o produto na água e usar conforme orientação do fabricante.

  • Plantas com folhagens – Usar NPK 10-10-10 ou fórmula aproximada desde que o N (nitrogênio seja maior), seguindo a orientação do fabricante.
  • Plantas floríferas – usar NPK 4-14-8 ou fórmula aproximada, não encontrando usar NPK 10-10-10 e acrescentar farinha de osso.

.

“Importante”

Plantas compradas em lojas, geralmente vem com um substrato muito leve, com poucos nutrientes, pois no cultivo usa-se muito a adubação líquida diluída na irrigação controlada, chamada de fertirrigação. O ideal é trocar a planta para um vaso com terra fértil, composto orgânico e com boa drenagem ou adubar frequentemente, pois em pouco tempo a planta definhará por falta de nutrientes.

.


como-adubar-suas-plantas

Samambaias

.

É recomendado adubar quase todos os meses, menos no inverno.

Adubação orgânica – Usar 2 colheres de (sopa) torta de mamona em vasos médios, aumentar ou diminuir a quantidade dependendo do tamanho do vaso ou outro adubo rico em nitrogênio.

.

Adubação inorgânica – Usar NPK 12-8-6 ou aproximado, ou adubo líquido apropriado para samambaia diluído em água e pulverize as folhas. Seguir a orientação do fabricante. Regar generosamente a seguir.

.


como-adubar-suas-plantas

Orquídeas

.

Quando a orquídea for cultivada artificialmente em vasos, deve-se suprir suas necessidades de nutrientes artificialmente.

É recomendado adubar a cada três meses, intercalando adubação orgânica e inorgânica.

.

Adubação orgânica – Um ótimo adubo orgânico é o Bokashi, que é uma mistura de vários adubos orgânicos. Sua composição varia bastante, cada fabricante possui a sua, mas costuma ser bastante eficiente. Regar generosamente a seguir.

“Calda de esterco” – Excelente para regar orquídeas.

Colocar 10 litros de água e 1/2 litro de esterco de gado bem curtido e deixar em infusão por 10 dias. Coar e guardar. Diluir 1 medida da calda, para 9 medidas de água. Aplicar em toda a planta.

.

Adubação inorgânica – No mercado a adubos químicos para orquídeas em forma de pó ou na forma líquida.

Distribuir esta solução nutritiva por toda a planta, inclusive nas raízes, através de pulverizações ou mergulhando o vaso por 2-3 minutos nesta solução. Seguir a orientação do fabricante.

Outra opção e usar NPK adequado para cada fase do desenvolvimento:

  • Durante a fase de crescimento, usar NPK rico em nitrogênio na fórmula 10-5-5 ou aproximado.
  • Para manutenção da planta adulta 14-14-14 ou aproximado.
  • Quando o pseudobulbo estiver quase formado e começar a aparecer as hastes florais, a planta precisará um NPK rico em fósforo, na fórmula 15-30-15 ou aproximado.

.

“Importante”

Recomenda-se colocar mensalmente o vaso com a planta, dentro de um balde cheio de água limpa e deixar de molho por 15 minutos, para retirar o excesso de sais, que se forma e que pode queimar as raízes.

.


como-adubar-suas-plantas

Cactos

.

Adubar a cada 3 meses.

Adubação orgânica – Para cactos até 15 cm, 1 colher de chá de torta de mamona e outra de farinha de osso.

.


como-adubar-suas-plantas

Rosas

.

Para roseiras o indicado é adubação de origem “orgânica”. Deve-se adubar 3 vezes ao ano.

  • A primeira na época da poda anual de junho a agosto.
  • A segunda em novembro.
  • A terceira em janeiro ou fevereiro.

Incorporar ao solo 15 litros de esterco curtido ou adubo orgânico, 200 gramas de farinha de osso e 100 gramas de torta de mamona.

Espalhe a mistura em volta da planta e incorpore-a ao solo, tomando cuidado para não aprofundar demais, de modo a evitar machucar as raízes.

.


como-adubar-suas-plantas

Gramados

.

Deve-se adubar 4 vezes ao ano.

Adubação orgânica – Fazer uma cobertura anual no inverno com 40% de terra, 30% de areia e 30% de adubo orgânico (estercos, torta de mamona, húmus de minhoca ou composto orgânico).

.

Adubação inorgânica – No início da primavera, verão e outono, espalhe em cada metro quadrado, na superfície do gramado,17 gramas de NPK 20-18-6, ou fórmula aproximada. Não encontrando esta fórmula, use 33 gramas de NPK 10-10-10. O NPK pode ser espalhado a lanço, com o cuidado de não acumular fertilizante em qualquer área, se isso ocorrer a grama desse local ficará queimada.

O melhor é fazer este trabalho no final da tarde ou em dia nublado.

.

.